Bauru - 18/04/2019 - 14h45

Pai que colocou filho para dirigir está proibido de visitar a criança

Redação/JCNET

Uma liminar expedida no final da tarde desta quarta-feira (17/04), pela juíza Ana Carla Criscione dos Santos, por meio da 1.ª Vara de Família, passou a impedir que o homem de 31 anos visite seu filho de 7 anos após a criança ser flagrada, na madrugada da última segunda-feira (15/04), conduzindo um Honda/Civic, na rodovia Marechal Rondon, em Bauru. A informação sobre a decisão judicial é do advogado da mãe do garoto, Carlos Alexandre Carvalho.

A mulher é separada do pai da criança há aproximadamente cinco anos e, no domingo, liberou o filho para visitá-lo. O genitor contudo, teria passado a tarde bebendo e entregou a direção do próprio carro ao garoto quando voltavam para casa. A mãe, inclusive, contou que esta não seria a primeira vez que o ex faz isso, segundo relatos do próprio garoto.

O homem, de acordo com as informações da polícia, estava com uma garrafa de uísque no momento da abordagem na rodovia.

O flagrante foi feito pela Polícia Rodoviária. Um boletim de ocorrência (BO) foi registrado como permissão de direção de veículo automotor a pessoa não habilitada e o pai do garoto deve responder em liberdade.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Bauru e está a cargo do delegado Dinair José da Silva, que já começou a ouvir os envolvidos e testemunhas.

Últimas notícias