Bauru - 06/08/2019 - 08h20

Bauru chega a 29 casos suspeitos de sarampo


 
A Secretaria Municipal de Saúde informou na noite desta segunda-feira (05/08), que Bauru já contabiliza 29 casos suspeitos de sarampo até o momento. Em todo Estado de São Paulo, 633 suspeitas da doença já foram registradas.
 
Em 23 de julho, a cidade já contava com nove casos da doença em investigação. Agora, soma-se 20 registros a essa conta.
 
“Importante destacar que as ações de prevenção ao sarampo, em Bauru, foram antecipadas já no mês passado, por conta da existência de casos suspeitos, mesmo a cidade não sendo considerada de risco pela Secretaria de Estado da Saúde”, destaca a pasta municipal, por meio da assessoria de comunicação.
 
A Secretaria Municipal de Saúde salienta que todos os casos são suspeitos. “Os exames foram coletados, enviados ao Instituto Adolf Lutz e, depois, encaminhados à Fiocruz do Rio de Janeiro, onde o diagnóstico é feito. Somente após a liberação dos resultados pela Fiocruz é que os casos serão confirmados ou descartados”, complementa.
 
A prefeitura destaca ainda que, até o momento, não há falta de vacina contra sarampo nas unidades de saúde de Bauru.
 
Mediante a suspeita dos casos, a Vigilância Epidemiológica orienta que todas as pessoas se vacinem contra o sarampo de acordo com os esquemas abaixo:
 
Crianças:
 
Uma dose de vacina SCR (tríplice viral) aos 12 meses de idade,
 
Uma dose de vacina SCR-Varicela aos 15 meses de idade.
 
Todos os Indivíduos com idade entre sete e 29 anos:
 
Devem ter duas doses de SCR (recebidas a partir de um ano de idade e com intervalo mínimo de 30 dias).
 
Adultos acima de 30 anos e os nascidos a partir de 1960:
 
Devem ter pelo menos uma dose da vacina SCR, a partir de um ano de idade, independente de história anterior da doença.
 
Todos os profissionais da Saúde:
 
Devem ter duas doses da vacina independente da idade.
 
Vale destacar que a vacina é contraindicada para gestantes e imunossuprimidos (HIV, câncer e outras imunossupressões). 
Últimas notícias