Cultura - 21/11/2018 - 15h10

Semana Dia da Consciência Negra terá audiência pública, desfile, música e premiações

Redação

 

 

Nesta quarta-feira (21/11), às 20h, o Teatro Municipal “Celina Lourdes Alves Neves” recebe o evento comemorativo ao Dia Nacional da Consciência Negra. A atividade é gratuita e aberta ao público. O evento é uma realização da Secretaria Municipal de Cultura e Conselho Municipal da Comunidade Negra e integra a Semana da Consciência Negra.                 

O evento terá com a Cerimônia de Entrega do Prêmio Luíza Mahin. Luíza foi trazida para o Brasil como escrava. Pertencente à tribo Mahin, na África, ela articulou revoltas e levantes de escravos, na então Província da Bahia.  Ao ser descoberta, ela foi perseguida e fugiu para o Rio de Janeiro. Lá, foi detida e deportada para Angola. Mas, não existe nenhum documento que comprove este dado. Um de seus filhos, Luís Gama foi um dos maiores abolicionistas do Brasil.

A premiação
A premiação “Luíza Mahin” foi instituído em 2005 como uma homenagem a pessoas da comunidade que prestam ou realizam atividades relevantes para a sociedade, seja na área profissional, artística ou cultural, por exemplo.

As indicações são feitas pelos próprios conselheiros e aprovadas nas reuniões da entidade.

Apresentação “O mangue”
Após a entrega do prêmio,  haverá apresentação do grupo “O Mangue”. Com seis anos de estrada, o grupo lançou seu primeiro disco em outubro deste ano, “Igbá Ayè: Estuário do Mundo”. O álbum do grupo reúne a força dos orixás das lendas amazônicas e traz diversas tradições afro-indígenas que resistem no Brasil contemporâneo.

O grupo é uma miscigenação e um universo de encontro entre ritmos tradicionais brasileiros como ijexá, samba, carimbo e o maracatu. Além disso, inclui linguagens universais como rock, reggae, rap e música eletrônica.

O grupo também tem influencia nordestina com a presença de tambores. A bateria e voz fica com Gabriel de Toledo, Digo Amazonas nas alfaias e Ivan Silva, nas congas. O baixo fica com Juari Dovenas, a guitarra com Marcos Mossi e voz de Bruno Ferrari.

O projeto foi contemplado pelo edital de gravação e circulação de álbum inédito do Programa de Ação Cultural- ProAC, em 2017.

Programação da Semana
Além da Entrega do Prêmio, nesta quarta-feira, outras atividades serão realizadas para homenagear a data. Confira a programação completa:

27/11- Vitrini Afro.
Atividade: Desfile Afro, Culinária Africana e roda de conversa.
Tema: Autoestima Negra com Pryscila Galvão.
Horário: 19h
LOCAL: APEOESP- Rua Gerson França, 9-23

28/11- Entrega do Prêmio Zumbi dos Palmares.
Atividade: Homenagem a três pessoas que se destacaram na sociedade na luta contra o racismo, discriminação, preconceito e intolerância religiosa.
Horário: 19h
Loca: Câmara Municipal- Praça Dom Pedro II, 1-50

29/11- Audiência Pública.
Tema: Vidas Negras importa.
Local: 18h30
Local: Câmara Municipal- Praça Dom Pedro II, 1-50

Últimas notícias